Google ajuda empresas a receberem doações

Google ajuda empresas a receberem doações

– Por Arthur Costa

 

Na tentativa de amenizar a crise causada pelo novo Coronavírus, o Google lança iniciativa para empresas arrecadarem doações e venderem vale-presentes

O Google vem desenvolvendo, desde o início da pandemia do novo Coronavírus, uma série de iniciativas que buscam ajudar pequenos empresários e comércios locais a enfrentar a crise econômica que teve origem com a pandemia.

A mais recente dessas iniciativas, e talvez a de maior impacto, foi a disponibilização de recursos para a captação de doações, ou venda de vale-presentes, através do resultado de busca local de um negócio. Sim, agora o proprietário de uma empresa, que gerencia sua ficha no resultado de busca local do Google, pode receber doações e vender vale-presentes diretamente pelo resultado de busca.

Com as medidas de isolamento social e decretos que determinaram a redução ou fechamento do comércio, mesmo que temporário, em diversas cidades ao redor do mundo, muitos pequenos negócios foram profundamente abalados, correndo o risco de fechar as portas. Na tentativa de auxiliar esses empreendedores, o Google lançou uma iniciativa gratuita que pode ajudar pessoas a salvarem seus negócios.

 Entenda como funciona:

Tudo começa no Meu Negócio, ferramenta gratuita do Google para gestão de resultados locais. Quando você busca por uma farmácia, um supermercado, um posto de gasolina ou qualquer outro local e encontra um resultado no Google Maps, esse resultado é gerenciado a partir de uma conta no Meu Negócio.

Se você possui uma loja, um comércio ou presta um serviço e ainda não gerencia seu resultado local na pesquisa do Google, saiba como fazer através do Meu Negócio.

Nessa ferramenta é possível informar seu horário de atendimento, seu número de telefone, fazer postagens de ofertas, incluir uma lista de produtos e uma lista de serviços, informar detalhes do negócio, como pagamento sem contato ou entrega de pedidos, entre outras possibilidades.

Já para usufruir das novas funcionalidades, o Google destacou algumas regras como:

  • A ficha no Meu Negócio precisa ter sido verificada antes de 1º de março de 2020;
  • O local deve se referir a uma loja física;
  • O recurso é voltado a PMEs;

São itens básicos, para evitar fraudes e ajudar a quem precisa nesse momento.

Ao clicar para fazer uma doação, o cliente será direcionado para uma página de arrecadação. No Brasil, o Google fez uma parceria com o PayPal para que os empreendedores possam receber essas doações. Já para os vale-presentes, é possível incluir um link para sites parceiros do Google que os vendem. Nesse link você confere mais detalhes sobre esse lançamento e a lista completa de parceiros.

Quer saber mais sobre o Meu Negócio, como gerenciar resultados locais e, a partir disso, aumentar suas vendas? A i-Cherry tem uma área especializada em Google Meu Negócio e pode te ajudar. Entre em contato e saiba mais!